sexta-feira, 15 de abril de 2011

A PEREGRINA DA PAZ



Amigos, vivemos um momento em que devemos vibrar a PAZ, e nada melhor que falar daqueles que passaram pela Terra colocando um tijolo nessa edificação...a Paz!

Peregrina da Paz (18 de julho, 1908 - 7 de julho de 1981), nascida Mildred Lisette Norman, era uma pacifista americana, vegetariana e ativista da paz.

Em 1952, ela se tornou a primeira mulher a percorrer a pé toda a extensão da Trilha dos Apalaches, em uma temporada.

A partir de 1 de janeiro de 1953, em Pasadena, Califórnia, adotou o nome de "Peregrina de Paz" e atravessou os Estados Unidos aos 28 anos.

Ela não teve respaldo de nenhuma organização, não carregava nenhum dinheiro, e nem sequer pedia comida ou abrigo.

Quando começou sua peregrinação tinha feito um voto de "permanecer em peregrinação até que a humanidade tenha aprendido o caminho da paz, caminhando até o abrigo dado e jejum, até determinado alimento.

”Permanecerei errante até que o ser humano tenha aprendido o caminho da paz”.

Fazia-se chamar Peregrina da Paz, mas ninguém lhe conheceu o seu verdadeiro nome. Andou durante 28 anos ao redor dos Estados Unidos propagando a mais simples das mensagens:

“Vence o mal com o bem, a falsidade com a verdade e o ódio com o amor.” Estas foram as suas palavras para inspirar a unidade entre nações, a paz entre os homens estimulados por aquilo que ela considerava o mais importante: A Paz Interior.

Desde 1953 até 1981, esta mulher de cabelos brancos, atendendo alegremente ao seu chamado, foi uma servidora do mundo.

À medida que se aproximava de cada aldeia de província ou grande cidade, levava para cada um que conhecia uma mensagem de paz expressada da maneira mais simples: quando um número suficiente de nós encontrarmos a paz interior, nossas instituições se tornarão mais pacíficas e não haverá mais ocasião para a guerra."

Atravessou 7 vezes os Estados Unidos, caminhando mais de 35.000 quilômetros, levando na sua túnica azul e todos os seus pertences: o seu correio, um lápis, uma escova de dentes e um pente.
Durante toda a sua peregrinação, desde 1953 até sua morte em 1981, caminhou sem um centavo, e sem apoio de nenhuma organização. A Peregrina da Paz influiu na vida e no coração de milhares de americanos. Alguns foram atraídos pela sua simples e jovial presença; muitos outros foram profundamente inspirados pela clareza da sua mensagem e pelo seu notável modo de vida.


Alguns dos seus ensinamentos:


O CRESCIMENTO ESPIRITUAL: é um processo tal qual o crescimento físico e mental.

Não se espera que crianças de cinco anos sejam tão altas como seus pais no aniversário seguinte; o aluno da primeira série não poderá ingressar na universidade ao final do ano; o estudante da verdade não pode alcançar a verdade da noite para o dia.

FÓRMULAS MÁGICAS: Há uma fórmula mágica para se resolver conflitos.

É o seguinte: Tenha como objetivo resolver o conflito, não obter vantagem.

Há uma fórmula mágica para se evitar conflitos.

É o seguinte: Preocupe-se em não ofender, não em não ser ofendido.

SOBRE A IMATURIDADE: O sofrimento das pessoas vem, de fato, da imaturidade.

Entre pessoas maduras, a guerra não seria um problema: seria impossível.

Em sua imaturidade, as pessoas querem, ao mesmo tempo, a paz e as coisas que fazem a guerra.

Entretanto, as pessoas podem amadurecer, da mesma forma que as crianças crescem.

Sim, nossas instituições e nossos líderes refletem nossa imaturidade.

À medida que amadurecemos, elegemos melhores líderes e estabelecemos melhores instituições.

Tudo se resume no ponto que muitos de nós desejam evitar, trabalhar para melhorar nós mesmos.

SOBRE O DESARMAMENTO: O desarmamento tarda em materializar-se - em parte porque prevalece muito o medo, em parte porque há uma presunçosa esperança de que ainda se possa alcançar algum almejado objetivo pelas armas; e também porque algumas economias parecem funcionar com bastante ganância durante a situação de preparação de guerra.

Vamos participar e construir a Paz!

Um comentário:

  1. Obrigada pela visita!
    Que a paz e o perdão estejam em nossos corações.
    Abs

    ResponderExcluir