quinta-feira, 29 de setembro de 2011

CIDADÃOS DO UNIVERSO



Na marcha insana da guerra encontra-se à frente a idéia distorcida do orgulho pátrio. Confunde-se amar sua pátria com outros fatores que estimulam a belicosidade. Uma coisa é amar seu país e nada melhor de demonstrar isso que através de ofertar sua criatividade e respeito às leis que regem a nação. Outra coisa é desejar impor ponto de vista por intermédio da força militar.

Se pegarmos a ótica reencarncionista, nosso raciocínio fica mais claro. Estou brasileiro, não sou brasileiro. Já fui cidadão de outros países e serei de outros mais. Este é um exercício que move o ser humano à entender que somos, na verdade, simplesmente, seres humanos, independente de onde estejamos reencarnado hoje. E elevando mais ainda o raciocínio, nem mesmo sou da Terra, estou nela. Posso já ter vivido em outros mundos ou para outros irei, dentro da transmigração progressiva. Claro que enquanto aqui estiver, devo desenvolver o sentimento de gratidão pela pátria que me acolheu e pelo planeta que me recebeu. Amar o local onde evoluímos é importante, porem, de forma sadia e depreendida. Todo sentimento que agrilhoa, aprisiona, não é sadio. Vejamos a quantidade enorme de almas que, após o desencarne, continuam presas aos ambientes onde viviam na matéria, sejam casas, países e até a crosta planetária.

Sei que ainda estamos um tanto distantes dessa maturidade de visão e vivência, no entanto, podemos começar a exercitar. O equilíbrio se alcança, também, por esse caminho: amar sem posse, sem preconceito de raça, cor, condição social, cultural ou religiosa. Precisamos dar um passo adiante. Devagar mas consistentemente. Começar é necessário. Dizer que ainda não dá não favorece o início da conquista. Precisamos alcançar a consciência de que somos cidadãos do universo.

Fonte: Blog do Frederico Menezes

domingo, 25 de setembro de 2011

Correção ♥

O PAP do Chaveiro de fuxico original está no PROGRAMA ARTE BRASIL, desculpem o equivoco. Floquinhos de luz para todas♥

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

ainda em homenagem a Primavera♥

É chegada a Estação do encanto, das flores e do amor...a Primavera♥

Passeando pela Net, apaixonada que sou pela Primavera, aliás amo todas as estações, elas significam nossos ciclos na Vida... a Primavera é o encanto das flores, das borboletas, do cantar dos passáros, é o colorido, uma das formas em que a Vida se expressa! eis ai a Primavera...♥
Trouxe então para saudar essa linda estação, em que os Olhos de Deus mais amorosos ainda, envia para suas Criaturas um pouco do Céu, essa linda meditação, mas antes, leiam que linda essa mensagem baseada nos Canticos de Francisco de Assis, da qual tenho imenso respeito e admiração e é uma das musicas que mais tocam o meu coração ♥

Doce é sentir em meu coração
Humildemente vai nascendo amor
Doce é saber não estou sozinha
Sou uma parte de uma imensa vida
Que generosa reluz em torno a mim
Imenso dom do teu amor sem fim

O céu nos destes e as estrelas claras
Nosso irmão sol, nossa irmã lua, nossa irmã Terra
Com frutos,campos e flores
O sol e o vento
O ar e água pura
Fonte de vida
De tua criatura
Imenso dom do seu amor sem fim.

Que generosa
Reluz em torno a mim
Imenso dom
Do teu amor sem fim.♥


"Primavera é a estação do ano em que a natureza se renova. É o momento mais feminino, onde shakti desperta e floresce e a natureza parece que expressa Samadhy.

Para celebrar este momento, descrevo uma prática meditativa cujo foco da atenção é a flor de lótus no coração. A flor de lótus representa pureza, renovação, liberdade e paz. Uma meditação muito simples que tenho praticado e que tem me feito muito bem.

Inicie, sentando-se em uma posição totalmente estável e confortável. Como aquietar a mente se há algo no corpo que nos incomoda? É fundamental encontrar a posição correta. Por isso, ajustes são bem vindos. Você pode sentar-se no chão com as pernas cruzadas em Padmasana, postura de lótus. Para maior conforto, sente-se sobre uma almofada, ou com as costas apoiadas na parede, ou mesmo em uma cadeira. O importante é manter o corpo relaxado e a coluna ereta. As mãos podem estar apoiadas sobre os joelhos, com as palmas votadas para cima e dedos indicador e polegar unidos em Jñána mudrá. Outra posição, é apoiar as mãos sobre o colo com o dorso da mão esquerda sobre a palma da mão direita e polegares unidos em Bhaivara mudrá.

Acrescente-se a esta posição dois detalhes: relaxamento das mandíbulas e da língua. A língua deve flutuar na boca com a ponta levemente voltada para cima não encostando no palato. Segundo Christopher Tompkins, estudioso de textos tântricos, o relaxamento das mandíbulas e a posição da língua são descritos em textos como a "Posição Divina".Tenho utilizado esta técnica e percebo que esta descontração nos conduz naturalmente ao aquietamento.

Feche os olhos e observe o seu corpo nesta posição. Observe também a sua respiração, o ar que entra e que sai, no seu ritmo natural.

Agora coloque a sua atenção num ponto no centro do seu peito na altura do seu coração. Este lugar chama-se Hridaya, seu coração espiritual. É um ponto de energia que não ocupa tempo ou espaço, é a sede da consciência.

Agora vizualize uma flor de lótus neste lugar. Concentre-se na flor de lótus que se abre no peito na inspiração e se fecha na expiração. A flor de lótus pulsa no mesmo ritmo da respiração. A respiração pulsa no mesmo ritmo da natureza. A natureza pulsa no mesmo ritmo da vibração do Universo, que pulsa no seu coração. Perceba que um círculo se fecha e que tudo pulsa no mesmo ritmo, você, a natureza e o universo. Tudo integrado. Isto é Yoga.

Mantenha a sua flor de lótus pulsando em Hrydaia por alguns minutos.

Finalize a sua prática transformando as suas mãos em uma flor de lótus em Padma mudrá, resgatando e fortalecendo a sua energia do coração em pureza, renovação, liberdade e paz."

Viva a Primavera!

Namastê.

Fonte: http://infinityoga.blogspot.com

Mais um ursinho, desta vez articulado e em feltro♥

                                                       
                                                                  Em Pé e......


Sentadinha...♥

Chaveiro em Fuxico

terça-feira, 13 de setembro de 2011

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Ursinhos...Ursinhas...♥ ♥ ♥

Depois de uma tarde de repouso, melhorei um pouco da dor de cabeça...que coisa mais chata não é amigas...agente tá numa boa e de repente esses doi doi!. Mas, resolvi postar uns trabalhinhos que amei fazer. Ai estão Ursinhos♥